Nós Construímos Joinville!

Formulário de busca

Notícias

Você está em: Página Inicial » Notícias » Conheça os materiais alternativos que substituem o ladrilho hidráulico

13.03.2017

Conheça os materiais alternativos que substituem o ladrilho hidráulico

Porcelanato de ladrilho hidráulico

Porcelanato de ladrilho hidráulico

Eles podem apresentar padrões geométricos, florais, desenhos coloridos ou até mesmo monocromáticos. Independente do tipo, o charme dos ladrilhos hidráulicos traz nostalgia e sofisticação aos ambientes. Seus primeiros registros datam do século 5, quando o material era usado nos mosaicos bizantinos. Não demorou muito para o revestimento se espalhar pelos pisos e paredes de toda a Europa.

O ladrilho hidráulico tornou-se popular devido a seu custo-benefício na época, como conta a arquiteta de Sorocaba (SP) Adriana de Machado Araujo. “O ladrilho se tornou popular, pois era uma alternativa de revestimento mais barata do que o mármore, além das peças não precisarem de cozimento, pois são solidificadas através de prensas hidráulicas”, explica Adriana.

Outro motivo que contribuiu para a popularização do revestimento foi a sua resistência, adquirida por conta do modo de produção. “O ladrilho hidráulico tem esse nome porque ele precisa ficar imerso na água por um período, de 8 a 10 horas. É nessa fase que ocorre a hidratação do concreto seco que faz parte da composição do ladrilho. A imersão da peça contribui para a sua resistência”, diz a arquiteta.

Muito presente na arquitetura brasileira, desde os casarões de Olinda, em Pernambuco, até as casas dos barões do Café, no interior de São Paulo, o ladrilho só passou a ser produzido no país no final do século 19. “No início os ladrilhos eram importados de Portugal, França e Bélgica. Os segredos das técnicas de manufatura foram passados aos imigrantes residentes no Brasil e, então, começaram a ser instaladas aqui as primeiras fábricas”, relata Adriana.

Alternativas aos ladrilhos hidráulicos

Apesar de, no início, os ladrilhos hidráulicos serem a opção mais barata em relação ao mármore, hoje em dia, por conta do seu modo de produção quase que artesanal, o material tem um custo elevado, de aproximadamente R$10 por peça. Isso fez com que substitutos do revestimento ganhassem a preferência do consumidor.

“Quando eu era garoto existia ladrilho hidráulico em muitas casas, quando construí a minha com material de demolição eu tentei resgatar um pouco da minha infância. Ao buscar informação sobre o valor dos ladrilhos, em uma fábrica artesanal em Itapetininga (SP), descobri que ficaria muito mais caro, então parti para a alternativa do piso cerâmico. Ele me deu a mesma emoção, o mesmo efeito, resgatou lembranças da infância”, relembra o bancário Benedito Macedo.

A paixão por ladrilhos hidráulicos também é compartilhada pelo filho dele. “Eu adoro ladrilho hidráulico, logo que comprei o apto na planta em 2012 comecei a comprar revistas de decoração e sempre tinham fotos de ambientes com ladrilho hidráulico, mas eu achava que era algo difícil de encontrar, por isso optei pelo porcelanato”, conta Caio Macedo.

A praticidade foi o fator decisivo para a escolha do porcelanato. “Eu queria usar diversos padrões geométricos de uma mesma cor. Como o porcelanato que escolhi tem 9 padrões diferentes em uma única peça, facilitou a instalação”,  conta o filho de Macedo.

O resultado agradou. “Pessoas que me visitam pela primeira vez sempre se surpreendem pela escolha do revestimento, e sempre comentam que o resultado ficou moderno, mas com um toque charmoso”, constata Caio.

Além do porcelanato, outros materiais podem substituir, esteticamente, os ladrilhos hidráulicos. “Atualmente, há muitos revestimentos que procuram imitar os grafismos dos ladrilhos hidráulicos: revestimentos e pisos cerâmicos, adesivos e até mesmo tecidos", diz Galan.

As alternativas ao revestimento têm suas vantagens. "O ladrilho hidráulico é um material muito poroso, dependendo da área de uso é necessária à aplicação de produtos impermeabilizantes, o que não acontece com determinados pisos e revestimentos cerâmicos. Já os adesivos, são alternativas econômicas para quem quer mudar o ambiente sem quebra-quebra, com rapidez e facilidade”, conclui a arquiteta.

Fonte: Obra24horas


Deprecated: Function ereg_replace() is deprecated in /home/sindus/public_html/application/modules/site/controllers/NoticiasController.php on line 135